In�cio
Boa Tarde! - Hoje é Sábado, 25 de Maio de 2019
Hora Certa; 16:24


Município aguarda liberação de recursos de Brasília para obras da erosão na MT-338

Publicado 28/02/2019 - 12:06 e atualizado 28/02/2019 - 12:09
Por: Redação

O prefeito de Tapurah, Iraldo Ebertz, esteve em Brasília na última semana, acompanhado dos vereadores Odair Nunes e Alessandro Carderalli, aonde se reuniram no Ministério da Integração com o Secretário Nacional de Defesa Civil, Coronel Alexandre Lucas para tratar da liberação de recursos na ordem de R$ 2,8 mi (dois milhões e oitocentos mil reais) para dar início às obras da primeira etapa do projeto da erosão (Buracão) na rodovia MT-338.

Conforme o prefeito, o governo federal já tem um projeto entregue pela prefeitura em 2018 e que o valor da primeira etapa já estava aprovado, mas não foi liberado pelo então presidente Michel Temer. O novo contato com a Defesa Civil No Ministério da Integração teve o intuito de discutir a situação do projeto para que se possa aproveitar o mesmo para a execução da obra. “Nós levamos novamente o mesmo projeto para o Ministério e discutimos se poderíamos aproveitar ele, sem a necessidade de fazer e apresentar outro, a fim de ganharmos tempo na liberação deste recurso, uma vez que, em toda a troca de governo se muda algumas coisa. Mas felizmente tivemos uma garantia do secretário, de que o projeto vai ser aproveitado, e agora só precisamos aguardar mais um pouco pela liberação deste recurso”, disse.

Iraldo e os vereadores também se reuniram com os senadores mato-grossenses Jaime Campos e Selma Arruda e o deputado federal Valtenir Pereira, para que os mesmos possam fazer gestão encima do projeto junto ao governo. Valtenir Pereira garantiu para as lideranças tapuraenses de que já possui um valor de R$ 67 milhões orçado para esta área no estado de Mato Grosso. “Saímos bastante animados com essa notícia, porque já tem uma fonte da onde pode sair o recurso e ficamos esperando somente a liberação do dinheiro pelo governo federal”.

Mesmo com a garantia de liberação dos recursos e a fonte de empenho no governo federal, Iraldo diz que só espera que seja liberado a partir do segundo semestre deste ano.  Segundo Ebertz, possivelmente as obras só terão início no final do ano ou início de 2020.

“Nestes primeiros 180 dias de governo nós não acreditamos que este recurso esteja liberado. Nós temos que nos preparar aqui para não termos maiores problemas na erosão, porque possivelmente com este dinheiro a gente não consiga fazer nada neste ano. O governo sabe da importância desta obra para o município, sabe dos problemas causados pela chuva, mas a burocracia é grande e em início de governo as coisas ficam mais complicadas ainda. De qualquer forma, se o governo liberar o dinheiro até o final do ano, no próximo ano nós estaremos fazendo uma grande obra no município”, frisou Iraldo.

 



Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link acima ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos e vídeos deste site (Jornal Caiabis) estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral - LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998. Não reproduza esta matéria em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização do Jornal Caiabis, por escrito.



LEIA TAMBÉM






CADASTRE-SE

Você poderá receber nossos informativos e notícias importantes.

FORMULÁRIO DE CADASTRO

FALE COM A REDAÇÃO

Você tem alguma reclamação ou elogio, sugestão matérias ou informar um fato?

ABRIR UM CHAMADO


Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados

Este website foi desenvolvido e é hospedado por: