In�cio
Bom Noite! - Hoje é Terça-Feira, 22 de Setembro de 2020
Hora Certa: 04:56


Em três meses Tapurah registra 362 casos e 07 óbitos

1º caso do novo coronavírus no município foi registrado no dia 08 de maio, 52 dias após o primeiro decreto para medidas de prevenção

Publicado 08/08/2020 - 22:12 e atualizado 08/08/2020 - 22:13
Por: Redação/Com assessoria

Há exatos três meses, Tapurah confirmava que o coronavírus havia chegado a cidade, o primeiro caso de COVID-19 foi registrado pela secretaria municipal de Saúde no município. Muita coisa mudou em três meses. Antes o vírus ainda era algo distante visto na televisão pelos tapuraenses. Quem ousava vestir uma máscara na rua recebia olhares desconfiados.

Se agora boa parte dos serviços já voltou a funcionar, o “novo normal” é bem diferente do que o de 90 dias atrás. As máscaras tornaram-se uso obrigatório em todos os lugares, o uso do álcool em gel virou hábito em entradas de supermercados, casas, comércios e item de bolos das pessoas, os aferidores de temperatura também já não assustam mais a população.

O Prefeito Iraldo Ebertz criou o Comitê de Enfretamento ao coronavírus, onde é tratado as ações a serem tomadas pela administração, visando medidas de prevenção de contágio pelo coronavírus no município. O Comitê é presidido pelo Prefeito do Município e composto por representante da Câmara Municipal de Vereadores, Sindicato Rural, Associação Comercial Polícia Militar, Polícia Civil, Hospital Municipal e Conselho Municipal de Saúde.

O secretário da Saúde, Marco Felipe conta que desde o surgimento da pandemia, estudos e pesquisas têm sugerido que o uso de alguns medicamentos, até então utilizados para o tratamento de outras doenças, podem ter algum nível de eficácia no tratamento da Covid-19.

“Criamos um protocolo de medicação aos contaminados, todos os médicos e a equipe técnica da saúde foram capacitados. O objetivo é oferecer uma diretriz aos profissionais no diagnóstico e tratamento dos pacientes na rede municipal de saúde. Realizamos muitos testes, de acordo com o protocolo de saúde, as Unidades Básicas também realizam os testes rápidos, cada caso é analisado pelos profissionais, estamos até ampliando o horário dos Postos de Saúde 1 e 3 até as 20h30 para que toda a população seja atendida”, complementa o Secretário.

Baseado em estudos científicos e em experiências efetivas que já aconteceram em outras regiões do estado, o protocolo consiste em orientar sobre quais os medicamentos poderão ser utilizados. O tratamento deverá associar sintomas característicos apresentados nas fases da doença no âmbito ambulatorial aos medicamentos recomendados. Para o paciente ter acesso aos medicamentos, será necessária a prescrição médica.

Tapurah até o dia de hoje, 07 de agosto tem 262 pessoas curadas, 07 óbitos e 89 casos ativos da doença, totalizando 362 casos do novo coronavírus, de acordo com o último boletim informativo divulgado na manhã de quinta-feira (06/8). O mais importante é reforçar as medidas de higiene, a lavagem adequada das mãos; cuidados com a proteção dos olhos, nariz e boca; o uso de álcool gel; a etiqueta da tosse, cobrindo a boca com a parte interna do braço. Tudo isso é muito importante para que consigamos manter um risco menor às exposições.

 

 

 

 



Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link acima ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos e vídeos deste site (Jornal Caiabis) estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral - LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998. Não reproduza esta matéria em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização do Jornal Caiabis, por escrito.



LEIA TAMBÉM






CADASTRE-SE

Você poderá receber nossos informativos e notícias importantes.

FORMULÁRIO DE CADASTRO

FALE COM A REDAÇÃO

Você tem alguma reclamação ou elogio, sugestão matérias ou informar um fato?

ABRIR UM CHAMADO


Copyright © 2020 - Todos os direitos reservados

Este website foi desenvolvido e é hospedado por: